Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2013

Sistemas de RPG parte 2: Criação de Personagens

Imagem
Eu tinha escrito aquele post sobre os sistemas de RPG e resolvi ampliar o tema mostrando como os sistemas gerenciam outros aspectos além das jogadas de dados. Neste post aqui vamos ver a criação de personagens.


1- ATRIBUTOS ALEATÓRIOS

O primeiro RPG do mundo, o D&D começou criando PJs desta maneira e continua assim até hoje e muitos RPGs seguiram este modelo e ainda seguem. Acho um bom método de criação de PJs pois sempre tem aquela emoção de rolar o PJ e ver como ele vai ficar e também os PJs não ficam iguaizinhos uns aos outros. O problema que existe é que dependendo da maneira que isto é feito, você pode ter PJs muito discrepantes. No D&D mesmo são rolados 3d6 para cada atributo, podendo o PJ sair com vários 3s ou vários 18s. Isso é incomum, mas não é totalmente à prova de falha.

Com o passar do tempo, outros métodos foram sendo introduzidos para equilibrar a rolagem, como rejogar o atributo mais baixo ou jogar 4d6 e somar os 3 maiores, tornando os PJs mais equilibrados, m…

Sistemas de RPG parte 1: Dados

Imagem
Faz um tempo que penso em escrever este post. Sou  fanático por por sistemas de jogadas de dados e gosto de analisar os detalhes técnicos e estatísticos inerentes. Desde o D&D 1a edição muita coisa surgiu nova e muita coisa realmente interessante.

Quando analisamos um sistema de RPG, uma coisa que dou muito valor é a maneira como ele se integra ao cenário, para que não fique uma coisa "colada" ao cenário, mas apesar da importância deste aspecto, não é a minha intenção explorar este lado dos sistemas neste post, pois seria impossível analisar jogo por jogo e isto eu já estou fazendo nas resenhas individuais. Ao invés disto quero apenas explorar aqui alguns dos sistemas mais usados e como eles funcionam.


1- VARIABLE TRESHOLD ON INDIVIDUAL DICE (VTID)

Este é praticamente o primeiro sistema usado em RPGs. Trata-se de jogar 1 único dado e compara-lo à estatística em questão que é o treshold. O exemplo mais clássico deste sistema é o d%, onde você joga 1d100 (ou 2d10 sendo 1 …

Unknwown Armies RPG review

Imagem
Eu li o Unknown Armies há muito tem e eachei tão louco que nunca me aventurei a mestrar, quanto mais resenhar. Sempre achei um cenário muito interessante, apesar do sistema de porcentagem já meio desgastado, o trabalho que os autores fizeram com o cenário foi muito bom.  O cenário é parecido com o cenário do Mage da White Wolf, mas na minha opinião muito superior. Quando comprei o meu livro eu estava à procura de algo no gênero do Kult ou do In Nomine e li muita opinião positiva à respeito e acho que vale a pena ler mesmo que você não vá jogar. Fuçando na net achei esta excelente review no rede RPG e achei que valia a pena repostar, confiram: Unknown Armies foi criado após um mergulho no universo do Pêndulo de Focault, de Umberto Eco. Nesse livro, TUDO que é levado a sério de ocultismo foi explorado de maneira magnífica e exaustiva. Daí os escritores de Unknown Armies viram que este caminho já havia sido traçado e fizeram algo diferente. Por isso, Unknown Armies não é apenas o mais o…

Cenário #2 - Oldford Manor

Imagem
INÍCIO

Oldford Manor fica localizada no interior da Inglaterra em uma região isolada. No século 19 era um sanatório para doentes mentais e criminalmente insanos, depois foi adquirida por um investidor particular e passou para outros proprietários ao longo dos anos até ser herdada recentemente por um jovem advogado.

Os jogadores possuem uma pequena firma de advocacia e conhecem o herdeiro que lhes pediu para irem até Oldford Manor para levantar o inventário e descobrirem o real estado da propriedade e posteriormente avaliar o valor de venda. Para os PJs é uma ótima oportunidade de crescer no mercado. Eles viajam para o interior passando por regiões ermas e pequenas comunidades estranhas até chegarem  ao local no meio da noite e com uma tempestade se formando...

O mestre deverá criar seu próprio mapa de Oldford Manor e suas imediações, mas algumas áreas são interessantes e serão mencionadas abaixo.


MEIO

A mansão é certamente um cenário perfeito para uma aventura de casa assombrada e o …

L5R - The Book of Air review

Imagem
O rafael silva continua fazendo um belíssimo trabalho de reviews sobre L5R no rede RPG e eu vou continuar repostando o que eu achar pertinente aqui. Não conheço o Rafael, mas percebe-se que ele conhece bastante o sistema e cenário, e deve gostar dele tanto quanto eu. Por falta de tempo e pela extensão do cenário, eu não me arrisco a começar a escrever sobre o L5R e por isso acho as reviews dele muito importantes. Quanto ao Book of Air eu particularmente achei que tem algumas coisas úteis, mas não justifica um livro inteiro, tanto que mesmo desfalcando minha coleção, acabei não comprando-o. O tema do ar é muitas vezes fracamente amarrado ao jogo e suas mecânicas e acho que tem muito suplemento mais interessante como o próprio Rafael comentou na sua conclusão. L5R é um jogo que tem uma longa e feliz evolução e a a cada edição para que as coisas não se repetissem o estilo dos suplementos foi diferente da anterior. Assim na 1a edição foi focado como o esperado em um suplemento para cada …

O carregamento de ouro do almirante Koltchak

Imagem
Em 1918 a Rússia entrava em um colapso social. Uma guerra civil que duraria até o ano de 1921, com a vitória dos revoltosos, que arrasava o já decadente Império Russo. No ano anterior, o czar Nicolau II havia abdicado do trono, numa tentativa de manter a guerra contra a Alemanha. Pouco tempo depois, ele seria preso pelos insurretos, sendo executado, juntamente com toda a família imperial, no ano seguinte. Seguindo ordens expressas dadas diretamente pelo próprio czar, um trem carregado com 1.600 toneladas de ouro, partia rumo à Sibéria. O ouro transportado correspondia à grande parte das reservas do tesouro russo. Nicolau II temia que, em caso de vitória bolchevique, o ouro caísse nas mãos inimigas. O transporte ficou a cargo do Almirante Koltchak, chefe da guarda imperial e famoso explorador polar. Um militar que já havia, em mais de uma vez, provado a sua lealdade ao czar. Koltchak No inverno de 1919-1920, o comboio partiu rumo à Sibéria, pela ferrovia transiberiana. No caminho, a es…

Unbox da segunda encomenda da Sans Detour

Imagem
Aqui está minha segunda encomenda dos Maravilhosos livros de RPG Call of Cthulhu da Sans Detour, só que desta vez eu pedi com a Chaosium:






Unbox Goonies e O Mundo Fantástico de H. P. Lovecraft

Imagem
Esta semana chegaram dois livros que eu estava esperando há algum tempo. O primeiro é a edição de colecionador em capa dura do Goonies, em português, lançado pela Darkside, o qual já estou lendo e achando fantástico. O segundo é um livro do qual eu participei do projeto que durou cerca de 3 anos desde a idéia original e só posso dizer que estou muito satisfeito com o resultado e só tenho a agradecer ao amigo Denilson Ricci, criador do http://www.sitelovecraft.com. Trata-se de uma coletânea de contos e poemas de autoria do Lovecraft. Não preciso dizer mais nada!

 O Goonies eu comprei na cultura e o do Lovecraft foi com o Denilson mesmo
 O livro ficou excelente com 455 páginas e uma belíssima introdução

Area 51 - parte 2

Continuando sobre a área 51:

Alienígenas?

Uma aeronave alienígena teria se caído em Roswell, Novo México, e o governo enviou os escombros e um corpo para a Área 51 para exames e estudo. Alguns vão até mais longe, declarando que a instalação tem níveis subterrâneos e túneis que a conectam a outros locais secretos, e que ela contém depósitos cheios de tecnologia alienígena e até mesmo espécies alienígenas. Representantes da Força Aérea negaram publicamente que alienígenas tivessem alguma coisa a ver com a Área 51. Será?

Vinte e quatro de junho de 1947 foi o dia em que o termo “disco voador” entrou para o vocabulário norte-americano. Esse foi o dia em que Kenneth Arnold relatou ter visto um OVNI enquanto pilotava seu avião particular sobre o estado de Washington. Ele disse que o objeto voava como se fosse um pires flutuando na água, e o disco voador nasceu. No dia 8 de julho de 1947, a Base Aérea de Roswell emitiu um comunicado à imprensa escrito pelo General William “Butch” Blanchard, decl…

Resident Evil Deck Building Game review

Imagem
Para quem não conhece o estilo deck building game, é um tipo de card game, que não tem nada a ver com card game colecionável, onde os jogadores começam todos com um mesmo deck básico com poucas cartas (geralmente em torno de 10) e ao longo do jogo os jogadores vão comprando cartas e customizando o deck.

Este tipo de card game vem com uma caixa básica com o jogo completo, algo entre 300 a 500 cartas, o suficiente para jogarem 4 jogadores. Tudo começou com o dominion, que foi o primeiro DBG a ser criado e virou febre instantânea. Outros exemplos de DBG são o Thunderstone e o Nightfall.

Falando específicamente do Resident Evil, já fazia um bom tempo que eu queria um desses e aproveitando um amigo que viajou aos EUA, pedi que ele trouxesse para mim. Lá o preço do jogo é ridículo, cerca de 20 dólares (40 reais) tanto pela caixa básica como pelas expansões maiores.

Área 51 - parte 1

Imagem
A Area 51 é a instalação militar secreta mais famosa do mundo e está localizada a menos de 160 quilômetros da cidade de Las Vegas, Nevada, nos EUA. Muitos rumores rondam essa base, que você verá na sequência do artigo. É possível visualizar a base usando o Google Earth. Basta digitar “Área 51″ no campo “Fly To” e o mapa faz o resto. Por muito tempo, a Area 51 permaneceu “oculta” da grande maioria, mas em 1988 um satélite soviético fotografou a base. Várias publicações adquiriram as fotos e as publicaram. A Area 51 nos remete à pensamentos de conspirações do governo, aeronaves  secretas e tecnologias alienígenas. Fatos, mitos e lendas caminham juntos de tal forma que se tornou difícil separar a realidade da ficção. O que exatamente acontece nessa instalação? Por que o governo reconheceu e negou alternativamente sua existência até a década de 90? Por que o espaço aéreo acima dela é tão restrito que mesmo aeronaves militares são proibidas de voar? E o que ela tem a ver com Roswell, no Novo…

O Encontro Internacional de RPG está de volta...

Imagem
A DEVIR anunciou que voltará a realizar o EIRPG em julho deste ano, junto com o Anime Friends. Eu nunca fui fã do IERPG. Sempre achei um evento fraquíssimo por vários motivos que vão da organização do espaço, pouquíssimos palestrantes (internacionais então nem se fale) às estandes de vendas fraquíssimas com mínimos lançamentos e muitas vezes mais caros que comprando pela internet.

Entendam bem, quando você diz que o evento é "O"Encontro Internacional, espera-se palestrantes internacionais, lançamentos internacionais, estandes de vendas internacionais, etc. Senão temos que ter a vergonha na cara de nomear o evento de encontro brasileiro, encontro paulista, encontro sul americano, seja lá o que comporte. E não é isso que vemos no EIRPG. Quando muito um convidado internacional e, ó surpresa, o maior estande é o da DEVIR com meia dúzia de lançamentos com traduções meia boca.

Esse ano o evento vai ser junto com o Anime Friends o que eu acho uma piora muito grande. Eu adoro animes…

Mapa #1: Acampamento

Imagem
Estou preparando uma aventura para testar meu projeto de mesa digital, o qual postarei aqui o projeto para quem quiser montar uma, e resolvi começar a postar os mapas que estou fazendo, então esporadicamente devo postar estes mapas para quem quiser poder usa-los em suas próprias aventuras:


A imagem está em PNG, é só clicar nela para ver o tamanho original e poder salvar

Unpack: Qin The Warring States

Imagem
Estava jogando Qin com a versão digital e finalmente chegou meu livro físico, aliás belíssimo como vocês vão ver nas fotos. Aproveitei o frete para pedir o The Sundering do Gav Thorpe e o Edge do Suzuki Koji:


Pacote aberto, tudo muito protegido, cortesia da Amazon. Edge é o último romance do Suzuki Koji, autor da série Ring, Loop e Spiral e também Dark Waters, adaptados diversas vezes para o cinema. Aqui no Brasil o Ring saiu com o nome de "O Chamado", aquele que você assiste o vídeo e morre sete dias depois. O filme não faz jus à serie de livros que é milhões de vezes melhor e mirabolande passando do terror à ficção científica.

O Computador de 2000 anos

Imagem
O misterioso mecanismo de Anticítera ou Antikythera criado há mais de 2.000 anos sempre foi um dos maiores mistérios da arqueologia. Agora, pesquisadores descobriram mais uma função na máquina: a previsão dos ciclos de 4 anos dos Jogos Olímpicos. O mecanismo foi descoberto no começo do século passado, juntamente com outros objetos em meio à destroços de um navio romano naufragado perto da costa de Anticítera, um a ilha grega. O estranho objeto foi construído no século 1 a.C., e o intrigante é que os primeiros objetos com tal nível de complexidade e tecnologia somente foram registrados a partir do século XVI, com relógios e objetos astronômicos encontrados na Europa.

Lovecraft Country: Visita à Innsmouth

Imagem
Para terminar esta seqüência de posts sobre a cidade de Innsmouth, vejam este post do mundo tentacular, mas recomendo fortemente que leiam o conto "A Sombra sobre Innsmouth / Shadow Over Innsmouth" e vejam o filme "Dagon":


O que um visitante encontraria nas ruas de Innsmouth pouco antes da cidade ser invadida pelos soldados que conduziram o Assalto da cidade? Bem, esse é um pequeno guia visual de alguns dos pontos mais interessantes de Innsmouth com comentários extraídos de diários de visitantes que estiveram na cidade pouco antes de sua queda.


Um único ônibus diário fazia o percurso Arkham - Innsmouth. Era um veículo sujo de lama e em estado decrépito, sem o mínimo conforto. Um transporte antiquado rangendo sem parar pelas tortosas estradas de terra que tangenciam oManuxet.

Apenas eu outros três passageiros embarcamos em Arkham. Os outros sentaram no fundo e permaneceram a viagem inteira em silêncio. Eram indivíduos taciturnos, vestindo pesados sobretudos e de aparê…

The Great Clans 9: Spider

Imagem
CLÃ ARANHA (SPIDER)Visão Geral O autointitulado clã Aranha é único entre todos os clãs de Rokugan, uma vez que foi criado sem a anuência do imperador, e não é considerado um clã pelo restante do império. Não que os membros do clã Aranha se importem com isso, uma vez que não reconhecem a autoridade do imperador e são fiéis aos ideais do fundador do clã, Daigotsu o senhor das Shadowlands, e veneram o kami negro Fu Leng. Este clã é formado pelos Perdidos (também chamados de Akutsukai, ou servos do mal), rokuganis que foram corrompidos pelo Taint da Shadowlands. Após a Batalha do Portão do Limbo, seu número cresceu muito na Shadowlands, e um ser poderoso chamado Daigotsu os reuniu sob seu comando. Sob sua liderança, eles construíram a Cidade dos Perdidos, um reflexo distorcido de Rokugan, onde ele era o imperador e seus “samurais” lhe deviam tanta fidelidade quanto os rokugani deviam a seu imperador. No entanto, Daigotsu sofreu diversas derrotas ao longo dos anos, inclusive sendo usurpado…

Lovecraft Country:O Jeito de Innsmouth

Imagem
A Aparência de Innsmouth nos contos do Lovecraft é chamado de "jeitão de Innsmouth". É resultado do conjunto de deformidades adquiridas pelos habitantes da cidade que vai desde o jeito de andar até a aparência. Confira abaixo no artigo do mundo tentacular:





"... Observei com mais atenção, tentando determinar a origem da má impressão que ele me causara. Era um homem magro, de ombros curvados, com não mais de 1,80 m de altura, trajando surradas roupas azuis, comuns, e um boné de golf roto. Tinha 35 anos, talvez, mas as pregas estranhas e profundas nos lados de seu pescoço o faziam parecer mais velho, quando não se observava seu rosto apático e inexpressivo. Tinha cabeça estreita, olhos azuis aquosos, saltados, que pareciam nunca piscar, nariz chato, testa e queixo recolhidos e orelhas pouco desenvolvidas. Seus lábios eram grandes e carnudos e as maças do rosto, acinzentadas e ásperas, pareciam quase imberbes, exceto por uns raros fios enrodilhados em tufos, e em alguns pont…